'Médicos Sem Fronteiras' faz evento de ajuda humanitária em Brasília




Brasília recebe a partir deste sábado (7) o evento "Conexões", uma série de atividades relacionadas à ajuda humanitária promovida pela organização internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF). A programação é gratuita e inclui mostra de filmes, exposição fotográfica e um seminário sobre conflitos armados no mundo.
O objetivo, segundo a diretora da MSF Ana Lemos, é "aumentar o conhecimento do público sobre as crises [humatinárias], o trabalho da organização e o sofrimento enfrentado pelas pessoas atendidas em nossos projetos”.
A MSF foi criada em 1971, na França, por médicos e jornalistas que atuaram como voluntários em um conflito na Nigéria. Atualmente, a organização está presente em mais de 70 países levando cuidados de saúde a pessoas afetadas por calamidades em todo o mundo.

Programação

No sábado (7), um seminário de jornalismo vai mostrar como funciona a cobertura de conflitos armados, desastres naturais e epidemias. O evento é voltado para profissionais e estudantes de comunicação do Distrito Federal.
Na programação do seminário, está previsto um debate sobre o trabalho de organizações que atuam em meio às piores crises do mundo. Para participar, é necessário fazer uma inscrição prévia pelo site. As vagas são limitadas e a seleção, por ordem de cadastro.
Ainda no sábado (7), às 10h, no Pátio Brasil Shopping, na Asa Sul, a mostra interativa "Pessoas em movimento" vai propor uma reflexão sobre as dificuldades enfrentadas por milhões de refugiados, deslocados internos e solicitantes de asilo em todo mundo. A interação será por meio de um labirinto sensorial.

"No fim, o visitante terá a certeza de que voltar para casa, definitivamente, não é uma opção para essas pessoas", explicam os organizadores.
Na praça principal do Terraço Shopping, roteiros adaptados por uma contadora de histórias prometem despertar a solidariedade nas crianças com enredos que abordam temas como refugiados e doença de Chagas de forma lúdica.

Cinema e debate

Uma sessão de cinema a céu aberto será promovida na terça (10), às 19h, no Museu Nacional da República. A exibição do filme "Caminhos da vacina" será seguida de um bate-papo com a diretora da organização, um médico e uma psicóloga vinculados ao programa. O evento será mediado pela jornalista Ligia Formenti.

Outros dois documentários – "Fogo nas veias" e "Tuberculose: o retorno da epidemia" serão exibidos na Caixa Cultural e no Museu Nacional dos Correios, respectivamente. Todas as sessões serão seguidas de debates com profissionais com experiência nos temas abordados.
"Conexões" também é o nome da exposição fotográfica montada no Terraço Shopping, na região Octogonal. Ao todo, 72 imagens pretendem sintetizar o trabalho da organização.
O evento propõe, ainda, levar para as regiões visitadas uma intervenção artística duradoura. No Parque da Cidade, os grafiteiros Daniel Toys e Omik vão produzir uma espécie de diário com relatos dos profissionais da organização para marcar o Dia de Luta Contra a Doença de Chagas, lembrado em 14 de abril.

FONTE:G1 MUNDO

Nenhum comentário:

Postar um comentário