Festival de tecnologia promove cultura hacker em Brasília




Um evento destinado a hackers e interessados em segurança da informação chega a Brasília neste sábado (7). Esta é a 5ª edição do Roadsec, um festival itinerante de tecnologia voltado para os apaixonados pela "cultura nerd". Os ingressos custam R$ 60 (meia-entrada), e podem ser comprados pela internet.
Na programação do evento, estão previstas palestras e oficinas sobre uso de drones e impressão 3D, por exemplo, além de uma "competição hacking".
A proposta, segundo os organziadores, é desafiar o público jovem a encontrar falhas em um sistema de computador. O vencedor se classifica para a etapa nacional do desafio e concorre a uma viagem para os Estados Unidos, para uma das maiores conferências hackers do mundo em Las Vegas
O idealizador do evento, Anderson Ramos, trabalha há 20 anos com segurança da informação e diz ter visto, ao longo desse tempo, um "excesso de talento técnico dando sopa por aí" – ou seja, sem ser absorvido pelo mercado formal de trabalho.
Para Ramos, mudar essa realidade seria a principal motivação para criação de um evento como o Roadsec em Brasília.
"A disputa por mão de obra é grande na área técnica mas, a longo prazo, vamos recrutar pessoas cada vez mais jovens", explica. "O evento tem a linguagem voltada para este público, para se prestar a esse papel de conscientização sobre a cultura hacker".

Cultura hacker

Apesar da palavra ainda gerar confusão, Ramos explica que o termo "hacker" se refere a uma pessoa que tem um domínio muito grande da tecnologia, "a ponto de isso ser uma forma de expressão".

O especialista explica, que além disso, o termo pode ser aplicado para ativistas virtuais, desenvolvedores de hardwares e softwares.

Roadsec Brasília

Local: Hotel Grand Bittar (Setor Hoteleiro Sul, quadra 5, Asa Sul)
Horário: 9h30 às 18h


FONTE G1 MUNDO

Nenhum comentário:

Postar um comentário