Acidentes caem, e PRF não registra mortes nas rodovias do DF na Semana Santa




Equipes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) registraram 830 infrações de trânsito nas rodovias que cortam o Distrito Federal durante a Semana Santa – entre a madrugada de quinta-feira (29) e a noite de domingo (1º). O balanço divulgado nesta segunda (2) mostra que o número de acidentes e multas caiu, e nenhuma morte foi registrada no período.
Segundo a PRF, 25 motoristas foram flagrados dirigindo sob influência de álcool. Desses, três foram detidos pelo crime de embriaguez – quando o índice medido no bafômetro supera os 0,34 mg de álcool por litro de ar expelido.
Ainda de acordo com a corporação, o número de acidentes caiu 35%, e o de acidentes graves (quando há feridos graves ou morte), 55%.
Em 2017, duas mortes foram registradas nas rodovias federais do DF durante a Semana Santa. O número de pessoas feridas nos acidentes também caiu entre os dois anos, de 36 para 23.

Peso no bolso

Nos quatro dias de operação, a PRF aplicou 2.325 multas nos trechos de rodovias federais que cortam o DF. O "ranking" foi liderado pelo excesso de velocidade, seguido pela ultrapassagem em local indevido, consumo de bebida alcoólica e não uso do cinto de segurança.
De acordo com a corporação, a maior parte das infrações ao Código de Trânsito Brasileiro foi registrada na BR-020 – que liga Brasília a Fortaleza (CE), e é considerada a rodovia mais perigosa do DF – e na BR-060 – que liga Brasília a Campo Grande (MS)

FONTE:G1 MUNDO

Nenhum comentário:

Postar um comentário