Açougueiro condenado por estupro de enteada no DF é preso em Uberlândia



Polícia Civil cumpriu um mandado de prisão nesta quarta-feira (28) contra um homem, de 37 anos, condenado em 2015 por estupro de vulnerável cometido contra a enteada dele.
O autor foi preso após denúnicas, no Bairro Morumbi, enquanto trabalhava em um açougue. O crime ocorreu em Ceilândia, no Distrito Federal (DF). Em coletiva realizada na manhã desta quarta-feira (1º), a Polícia Civil afirmou também que o homem era pastor em uma igreja no mesmo bairro.
De acordo com a delegada responsável pela Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, Alessandra Rodrigues da Cunha, o homem foi condenado há mais de 20 anos de prisão em regime fechado pela Justiça do DF, mas estava foragido.
A delegada disse que ele abusou da enteada durante aproximadamente quatro anos, enquanto ela tinha de 8 a 12 anos de idade.
Cunha também informou  que, após a condenação, o homem foi para Uberlândia e conseguiu um emprego como açougueiro. A Polícia Civil irá investigar se o autor cometeu crimes no período que morou na cidade. Ele deve cumprir a sentença no DF.


FONTE:G1 MUNDO

Nenhum comentário:

Postar um comentário