Estudante é baleado no rosto durante tentativa de assalto na saída de aula no DF

Um estudante foi baleado no rosto depois de se negar a entregar pertences durante tentativa de assalto em frente ao Centro de Ensino Médio 1 do Paranoá, no Distrito Federal, na noite desta terça-feira (24). O crime aconteceu quando ele saía da escola. O jovem, que tem 21 anos e cursa o terceiro ano, está internado no hospital regional.
De acordo com a Polícia Militar, o rapaz foi atingido no olho. Ele estava consciente no momento em que foi atendido pelo Samu.
A Polícia Civil investiga o caso como tentativa de latrocínio. Nenhum suspeito foi identificado até a publicação desta reportagem. Colegas e professores relataram que assaltos são frequentes na região.
Por e-mail, a Secretaria de Educação disse estar desenvolvendo um plano de combate à violência nas escolas, elaborado em parceria com a Secretaria de Segurança Pública. "Cabe destacar que para evitar e combater a violência, a SEEDF desenvolve, ao longo do ano, projetos pedagógicos que discutem questões como a mediação de conflitos, combate às drogas, além de noções de cidadania e direitos humanos."
Além disso, a secretaria disse que a Polícia Militar faz o patrulhamento nas imediações de escolas públicas e privadas, com reforço das rondas nos horários de entrada e saída de alunos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário