DF registra três homicídios em duas horas, na madrugada de domingo

Pelo menos três mortes violentas foram registradas pelas delegacias do Distrito Federal em um intervalo de apenas duas horas, na madrugada deste domingo (30). Segundo a Polícia Civil, os crimes aconteceram no Itapoã, em Santa Maria e no Sol Nascente. Até as 12h30, não havia suspeitos identificados ou presos.
O primeiro homicídio foi registrado pouco depois das 2h, na CL 104, em Santa Maria. De acordo com o boletim de ocorrência, um homem foi atingido por "vários disparos de arma de fogo". A 33ª Delegacia de Polícia (Santa Maria) apura o assassinato, mas não tinha informações sobre a motivação do crime até o início da tarde.
No Sol Nascente, em Ceilândia, o crime foi cometido por volta das 3h. Segundo a ocorrência, um homem de 46 anos foi atropelado e, em seguida, espancado até a morte próximo à chácara 2 da região. A 24ª DP (Setor O) investiga a morte, mas não tinha informações sobre a autoria do crime até o início da tarde.
No Itapoã, o homicídio aconteceu na QL 8 por volta das 4h. Segundo a Polícia Civil, a vítima era um homem de 29 anos, que também recebeu vários tiros e morreu no local do crime. O autor dos disparos não foi identificado, e o caso é investigado pela 6ª DP (Paranoá).

Estatísticas

No início de outubro, a Secretaria de Segurança Pública divulgou que o DF caminha para alcançar a menor taxa de homicídios nos últimos 32 anos, em 2017. Em setembro, foram contabilizadas 38 mortes violentas – 36,8% a menos que os 60 casos em setembro de 2016.



Nenhum comentário:

Postar um comentário